Clube do Português

Língua portuguesa para produtores de conteúdo

Design de informação: entenda o que é e como ele pode melhor seu conteúdo

Vivemos atualmente a era da informação.  Nesse sentido, para fazer seu conteúdo se destacar, é necessário não só que seu texto esteja bem escrito, mas que seja apresentado da forma mais eficiente possível. É nesse contexto que surge o conceito de design de informação.

Informação com valor

De acordo com os pesquisadores Wildbur e Burke, o design de informação é  “a seleção , organização e apresentação da informação para uma dada audiência”.  Trata-se de um campo do design gráfico que parte do princípio de que precismos não só criar mais informações, mas também pensar em formas de apresentação que permitam ao público entender a mensagem de forma eficaz e eficiente. O objetivo é tornar o conteúdo mais acessível.

PAUSA: Quer entender melhor a diferença entre eficácia e eficiência? Então, vale ler o texto que fizemos sobre o tema.

Continue reading

Compartilhe este texto:

Mancomunado ou malcomunado – qual a forma correta?

O grupo estava mancomunado ou malcomunado contra o povo? Neste artigo, vamos explicar qual a grafia correta da palavra, sua origem e seu significado. Vamos lá!

PAUSA: Antes de terminar a leitura, vale a pena conferir o texto que fizemos sobre as formas nominais dos verbos. Ele vai te ajudar a entender melhor a dica deste artigo.

Particípio

A grafia correta é “mancomunado”.  O adjetivo vem do particípio do verbo “mancomunar”, que significa entrar ou pôr-se de acordo (com outrem) para a realização de algo geralmente desonesto; combinar (-se), conluiar-se.

Por ter uma conotação negativa, muita gente pensa erroneamente que a grafia da palavra é “malcomunado”.  Mas agora você não vai errar mais. Anote aí: MANCOMUNADO.

Veja também:

Matricule-se agora no nosso curso “Português para produtores de conteúdo”   – http://onovomercado.com.br/cursos/portugues

Inscreva-se para fazer parte do clube de português gratuitamente e receber dicas para te deixar afiado na língua
– http://clubedoportugues.com.br/clube/

 

Compartilhe este texto:

Eficácia x Eficiência – entenda a diferença entre as duas palavras

eficaz e eficiente

Entenda a diferença entre as duas palavras

Muitas pessoas utilizam eficiência e eficácia como sinônimas. Porém, elas apresentam significados distintos. Neste artigo, vamos explicar a diferença desses dois conceitos. Vamos lá!

Gestão

Os dois vocábulos são muito utilizados no mundo da gestão de empresas e projetos. Eles estão relacionados à execução de tarefas e à resolução de problemas. Peter Drucker, uma das principais referências no mundo da administração, explica que eficiência é fazer certo as coisas e eficácia é fazer as coisas certas.

Continue reading

Compartilhe este texto:

O que é perrenguear?

perreguear

Qual o significado?

A palavra dessa semana tem origem em uma formação sufixal – perrenguear. Neste artigo, vamos apresentar a definição e as funções desse vocábulo. Vejamos!

Definição

O vocábulo tem dois sentidos, segundo o dicionário Houaiss:

1) Comportar-se como perrengue, como covarde;

ex: Na hora do aperto é que vemos quem vai correr atrás e quem vai perrenguear.

2) Sentir-se adoentado, fragilizado;

ex: Com a partida de seu grande amor, João perrengueou e não queria mais sair de casa.

Formação

Como dito na introdução deste artigo, perrenguear tem uma formação sufixal:

PERRENGUE + -EAR 

Variação

O Houaiss indica que a palavra possui uma grafia alternativa – perrengar.

***

Matricule-se agora no nosso curso “Português para produtores de conteúdo”   – http://onovomercado.com.br/cursos/portugues

Inscreva-se para fazer parte do clube de português gratuitamente e receber dicas para te deixar afiado na língua
– http://clubedoportugues.com.br/clube/

Compartilhe este texto:

Crase: 5 vídeos para acabar de vez com suas dúvidas

vídeos sobre a crase

Acaba com suas dúvidas sobre a crase

A crase é o encontro entre letras iguais.  O uso dela é um dos principais pontos de dúvida na hora de produzir conteúdos. Por isso, reunimos nesse artigo 5 vídeos essenciais para você entender de vez como utilizar esse instrumento. Vamos lá!

PAUSA: Antes de assistir aos vídeos, vale a pena você ler o artigo que fizemos para explicar a diferença entre crase e acento grave. Leia e volte aqui! Você terá um entendimento muito mais completo.

3 casos em que NÃO há crase

Tão importante quanto saber quando utilizar crase é saber quando não a utilizar.

LEIA TAMBÉM: Antes de hora se usa crase?

Crase facultativa: 3 casos

Há casos em que você pode escolher se vai ou não utilizar a crase. Perceba porém que essa decisão deve evitar a ambiguidade ou os ruídos de comunicação.

VEJA MAIS: Como funciona a crase antes de pronomes indefinidos.

Continue reading

Compartilhe este texto:

Advérbio x Adjetivo – como diferenciar?

advérbio x adjetivo

Qual a diferença entre advérbio e adjetivo?

Distinguir um advérbio de um adjetivo é muito importante para realizar uma concordância nominal correta. Neste artigo, vamos explicar os dois conceitos e mostrar com identificar cada um. Vejamos!

Regra básica

Uma regra básica para diferenciar esses dois termos está relacionada com a flexão de gênero e número:

Adjetivos – variam em gênero e número de acordo com o termo que acompanham;

ex: As mulheres fortes são fundamental na construção de um país.

VEJA MAIS: Como complemento, recomendamos você ler o artigo que trata dos adjetivos biforme e uniformes.

Continue reading

Compartilhe este texto:

Burburejar – descubra o significado da palavra agora mesmo!

burburejar

O que significa?

A coluna  palavra da semana tem como objetivo enriquecer seu vocabulário para te ajudar a tornar seus textos mais atraentes.  O vocábulo de hoje é burburejar.

PAUSA: Antes de terminar a leitura, vale a pena você dar uma conferida no significado da palavra LIBENTE.

Definição

Burburejar é um verbo intransitivo significa “ter ou fazer som de água em borbulhas”.

Ex: Ouvi a água que fervia no fogão burburejar.

O vocábulo surge da onomatopeia do som de borbulhas.

Onomatopeia

A onomatopeia é uma figura de linguagem que consiste na formação de palavras que representam ou simulam um som.

ex: tique-taque, atchim, chuá.

VEJA MAIS: Para complementar seu estudo, recomendamos a leitura do artigo que fizemos sobre 5 figuras de linguagem úteis para o seu texto.

Assista também:

***

Matricule-se agora no nosso curso “Português para produtores de conteúdo”   – http://onovomercado.com.br/cursos/portugues

Inscreva-se para fazer parte do clube de português gratuitamente e receber dicas para te deixar afiado na língua
– http://clubedoportugues.com.br/clube/

Compartilhe este texto:

Três etapas para construir um texto impecável

escrever bem

3 etapas para a produção de textos

Muita gente acredita que escrever é apenas uma atividade mecânica de grafar palavras. Porém, a produção de textos vai muito além disso. Neste artigo, vamos apresentar as três etapas para criar um conteúdo impecável. Vejamos!

PAUSA: Antes de terminar de ler, vale muito a pena você dar uma olhada no artigo que fizemos sobre os 5 objetivos de um texto. Leia e volte aqui. Com certeza, você terá uma visão muito mais ampla sobre a produção textual.

1) Planejamento

Uma boa pesquisa é um passo indispensável para a criação de um texto de qualidade. Escrever não é sair criando vocábulos a torto e a direito. Por isso, o planejamento é a primeira etapa para a criação de conteúdos atraentes.

Alguns cuidados que compõem essa etapa são:

  • Definição do tema;
  • Definição do público-alvo do texto;
  • Levantamento de informações sobre o tópico escolhido;
  • Definição do gênero literário;
  • Elaboração da estratégia argumentativa;
  • Criação de um esqueleto para o texto – um rascunho.

DICA: Recomendamos você dar uma lida no artigo que fizemos sobre como criar argumentos convincentes.

Continue reading

Compartilhe este texto:

Feminina x Femenina – qual o correto?

Neste dia Internacional da Mulher, preparamos um texto para tirar uma dúvida muito recorrente – o correto é femenina ou feminina?

O correto é FEMININA. Isso mesmo! Com “i”. Muitas vezes, o verbete é escrito erroneamente (femenino ❌) por causa da associação com a palavra “fêmea”, com “e”.

O adjetivo vem do latim “femininus”, que significa relativo ou próprio de mulher ou fêmea.

Biforme x Uniforme

Feminino é um adjetivo biforme, ou seja, possui variação de gênero.

ex: O Dia Internacional das Mulheres valoriza o poder feminina.

ex: No Dia Internacional das Mulheres, destaca-se a alma feminina.

VEJA MAIS: Gostou do texto? Então, você também vai querer ler este outro artigo que fizemos sobre se palavra ‘milhares’ é masculina ou feminina. Continue seu estudo!

Assista também:

***

Matricule-se agora no nosso curso “Português para produtores de conteúdo”   – http://onovomercado.com.br/cursos/portugues

Inscreva-se para fazer parte do clube de português gratuitamente e receber dicas para te deixar afiado na língua
– http://clubedoportugues.com.br/clube/

Compartilhe este texto:

Se ela ver ou se ela vir?

Quando conjugamos o verbo "ver" na 3ª pessoa do singular no futuro do subjuntivo devemos utilizar a forma "vir". Verbo ver – Futuro do subjuntivo (Se eu ou quando eu) vir (Se tu ou quando tu) vires (Se ele ou quando ele) vir (Se nós ou quando nós) virmos (Se vós ou quando vós) virdes (Se eles ou quando eles) virem Portanto, nesse caso, o correto é "se ela vir". Ex: Se ela vir o filme, escreverá uma crítica. ✔ ⚠ Não confunda com o verbo "vir"! Quando conjugado na 1ª pessoa do singular no futuro do subjuntivo, o verbo vir fica "vier". Verbo vir – Futuro do subjuntivo (Se eu ou quando eu) vier (Se tu ou quando tu) vieres (Se ele ou quando ele) vier (Se nós ou quando nós) viermos (Se vós ou quando vós) vierdes (Se eles ou quando eles) vierem Ex: Se ela vier cedo, conseguirá ver o filho. ✔ #português #gramática #conjugaçãoverbal #conjugação #verbo #educação

A post shared by Clube do Português (@clubedoportugues) on

A língua portuguesa  tem algumas dúvidas clássicas. Uma delas é relacionada a uma conjugação do verbo ver. Neste artigo, vamos responde ressa questão. Vejamos!

PAUSA: Antes de terminar a leitura, recomendamos que você dê uma olhada neste outro texto que fizemos sobre as formas nominais dos verbos. Ele vai complementar bastante seu estudo. Leia e volte aqui!

Ver

Quando conjugamos o verbo “ver” na 3ª pessoa do singular no futuro do subjuntivo devemos utilizar a forma “vir”. Verbo ver – Futuro do subjuntivo (Se eu ou quando eu) vir (Se tu ou quando tu) vires (Se ele ou quando ele) vir (Se nós ou quando nós) virmos (Se vós ou quando vós) virdes (Se eles ou quando eles) virem. Portanto, nesse caso, o correto é “se ela vir”.

Vir

Não confunda com o verbo “vir”! Quando conjugado na 1ª pessoa do singular no futuro do subjuntivo, o verbo vir fica “vier”. Verbo vir – Futuro do subjuntivo (Se eu ou quando eu) vier (Se tu ou quando tu) vieres (Se ele ou quando ele) vier (Se nós ou quando nós) viermos (Se vós ou quando vós) vierdes (Se eles ou quando eles) vierem
Ex: Se ela vier cedo, conseguirá ver o filho.

Veja também:

***

Matricule-se agora no nosso curso “Português para produtores de conteúdo”   – http://onovomercado.com.br/cursos/portugues

Inscreva-se para fazer parte do clube de português gratuitamente e receber dicas para te deixar afiado na língua
– http://clubedoportugues.com.br/clube/

Compartilhe este texto:
« Older posts