Clube do Português

Língua portuguesa para produtores de conteúdo

Month: Janeiro 2017 (page 1 of 2)

De pé x Em pé – qual a forma correta?

Em pé x De pé – como se escreve?

Qual é o forma correta: de pé ou em pé? Para responder essa questão, vamos recorrer ao Dicionário das dificuldades da língua portuguesa, do gramático Domingos Paschoal Cegalla. Vejamos!

De acordo com o pesquisador, as duas formas estão corretas. Observe:

ex¹: Quando cheguei, minha mãe estava de pé perto da janela.

ex²: Quando voltei, meu irmão estava em pé perto da porta.

Classificação

As duas expressões são locuções adverbiais  de modo. Sintaticamente, ambas exercem função de adjunto adverbial de modo.

Veja mais no vídeo por que as duas expressões estão corretas:

***

Matricule-se agora no nosso curso “Português para produtores de conteúdo”   – http://onovomercado.com.br/cursos/portugues

Inscreva-se para fazer parte do clube de português gratuitamente e receber dicas para te deixar afiado na língua
– http://clubedoportugues.com.br/clube/

Compartilhe este texto:

Orações coordenadas x Orações subordinadas – qual a diferença?

Entenda como diferenciar os dois tipos de oração

Este texto tem como objetivo explicar as diferenças entre as orações coordenadas e as subordinadas. O fato linguístico que liga esses dois conceitos é o período composto. Subordinação e coordenação estão ligadas à relação entre duas ou mais orações. Vejamos!

Subordinação

A subordinação ocorre quando temos uma situação de dependência entre duas orações. Nesse caso, uma das orações é a principal e a outra se subordina a ela. A oração subordinada não possui  sentido completo, ou seja, ela não é sintaticamente independente.

ex¹: Assim que a mãe chegou, a filha começou o dever de casa.

Perceba que a oração “assim que a mãe chegou” não possui sentido isoladamente. Ela complementa a oração “a filha começou o dever de casa”, que é a principal. Dessa forma, podemos dizer que se trata de uma oração subordinada. No caso, é uma oração subordinada adverbial de tempo. Em outras palavras, ela exerce o papel de adjunto adverbial.

Leia também: Oração subordinada adjetiva restritiva e explicativa – como diferenciar?

Continue reading

Compartilhe este texto:

O que é alteração semântica?

Entenda as alterações nos significados das palavras

A semântica é o campo da linguística que estuda o significado e a interpretação das palavras, frases, expressões e signos em determinados contextos. Ela também analisa as mudanças de sentido por que passam as formas linguística por conta da passagem do tempo, dos diferentes estratos sociais, dos locais geográficos entre outros. Existem três grandes espécies de alterações semânticas que serão abordados neste texto: extensão, enobrecimento e enfraquecimento do significado. Vejamos!

1) Extensão do significado

Ocorre quando uma palavra tem seu significado expandido de algo específico para algo amplo. Por exemplo, a palavra “embarcar”, em sua origem, designava a ação de entrar em um barco. Contudo, com o passar do tempo, ela sofreu uma alteração semântica e passou a significar a entrada em qualquer tipo de veículo.

ex: Eu cheguei em cima da hora de embarcar no avião.

Continue reading

Compartilhe este texto:

O que significa recrudescer?

O que significa recrudescer?

Recrudescer é uma palavra que sempre gera dúvidas e é utilizada de forma equivocada. Ela possui dois significados distintos. Neste texto, vamos apresentar as definições do vocábulo e explicar quando utilizar cada uma.

Definições

Como dito anteriormente, recrudescer possui dois sentidos:

1) Tornar-se intenso, exacerbar-se

ex¹: Novas medidas foram tomadas depois que a nevasca recrudesceu.

ex²: As mudanças políticas da atualidade são fruto de uma insatisfação generalizada que recrudesceu com a crise econômica.

Continue reading

Compartilhe este texto:

Clima e tempo – qual a diferença?

Entenda a diferença entre clima e tempo.

Há palavras que são utilizadas como sinônimas, mas que não possuem exatamente o mesmo significado. É o caso dos vocábulos: clima e tempo. Um tem um sentido mais genérico e outro mais restrito. Vejamos!

Clima x Tempo

Clima se refere a um estado permanente ou referente ao um período longo de tempo. Já tempo diz respeito a uma condição climática momentânea ou temporária.  Vamos detalhar melhor!

Tempo

Está relacionado a uma condição da atmosfera no exato momento em que nos expressamos.

ex¹: São Paulo amanheceu hoje com tempo chuvoso.

ex²: Devido ao tempo seco, as aulas tiveram que ser canceladas.

ex³: Com o tempo frio, muitas pessoas saíram de casaco hoje.

Continue reading

Compartilhe este texto:

O que é interjeição?

Veja o que é e quais as classificações das interjeições.

CUIDADO! O termo anterior é uma interjeição. Trata-se de uma classe gramatical utilizada para expressar emoções. A classificação de cada uma, como explicam Celso Cunha e Lyndley Cintra, depende fundamentalmente do contexto e da entonação.

Flexão

As interjeições são expressões invariáveis, ou seja, não possuem flexão de número (singular x plural), de gênero (masculino x feminino) nem de grau (comparativo x superlativo). Quando são compostas por mais de uma palavra, formam as chamadas locuções interjectivas.

ex: Ora, bolas!; ai de mim!; valha-me Deus!.

É importante destacar também que as interjeições não possuem função sintática, sendo apenas um elemento estilístico.

Continue reading

Compartilhe este texto:

Números romanos de 1 a 1.000

Entenda os algarismos romanos

Confira abaixo a lista completa dos algarismos romanos de 1 a 1.000. Para entender melhor como utilizar esses números, leia este outro texto AQUI.

1 a 100

1: I

2: II

3: III

4: IV

5: V

Continue reading

Compartilhe este texto:

Números romanos – 5 regras simples para entender

Os números romanos foram o principal sistema de algarismos da Europa por um longo tempo. Eles são formados por uma combinação de letras. Por exemplo, o símbolo XVIII representa o número 18. Para aprender a ler esses sinais, basta ficar atento a cinco regras básicas.

1) Valores

Os valores dos números romanos são:

I – 1 (um);

V – 5 (cinco);

X -10 (dez);

L – 50 (cinquenta);

C – 100 (cem);

D – 500 (quinhentos);

M – 1.000 (mil).

2)  Um símbolo só pode ser repetido três vezes

Veja:

CORRETO: IV = quatro

INCORRETO: IIII = quatro

Continue reading

Compartilhe este texto:

O que significa conculcar?

Veja a definição de CONCULCAR

Toda semana, o Clube do Português destaca um vocábulo. Neste texto, vamos explicar o significado da palavra conculcar. Explicaremos também quando a utilizar.

Significado

Desprezar, desdenhar, aviltar, menosprezar, pisar em

ex: Os ditadores costumam conculcar os direitos dos cidadãos.

Continue reading
Compartilhe este texto:

O que é advérbio?

Saiba identificar um advérbio.

O advérbio é um termo muito importante para a construção de orações. Neste texto, você vai entender o significado e quando utilizar essa tipo de vocábulo.

O que é advérbio?

É a palavra que pode modificar o verbo, o adjetivo e o próprio advérbio. Vale destacar ainda que trata-se de um termo invariável, ou seja, não possui flexão de número e de gênero. Veja:

  • Fui à casa da Maria.
  • Fui à casa da Maria hoje.

Perceba que o advérbio hoje acrescentou uma circunstância de tempo ao verbo ir (fui). Note:

  • Hoje está quente.
  • Hoje está muito quente.

Observe que o adverbio muito acrescentou uma ideia de intensidade ao adjetivo quente.

Continue reading

Compartilhe este texto:
Older posts