Quando falamos, tendemos a juntar a preposição "de" com os pronomes "ela" ou "ele". Entretanto, segundo as regras gramaticais, o termo que funciona como sujeito nunca deve ser preposicionado. Ex: Apesar de ela não ter estudado, foi bem na prova. 🔸Observe que o pronome "ela" funciona como sujeito do verbo "ter", por isso não pode ser fundido com a preposição.🔸 Vejamos outros exemplos: Ex1: Já passou da hora de ela se formar. Ex2: Júlia chegou antes de ele sair. ⚠ATENÇÃO! Esses casos nada tem a ver com a fusão da preposição "de" com os artigos "o(s)" e "a(s)". Ex: O cabelo dela é muito bonito. 🔸Aqui o pronome possessivo "dela" tem função de adjunto adnominal.🔸 #DescriçãoDaImagem A imagem mostra uma mulher sorrindo. Ela veste um blazer roxo e usa um arco de flores na cabeça. #português #gramática #educação #aprendizado #estudo #trabalho #empreendedorismo #concurso #concursopúblico #escola #faculdade #vestibular #enem #escrita #língua #linguagem #clubedoportuguês #boanoite

A post shared by Clube do Português (@clubedoportugues) on

A forma correta é apesar dela ou apesar de ela? Neste artigo vamos tirar essa dúvida e explicar qual a forma correta. Vamos lá!

Sujeito

Quando falamos, tendemos a juntar a preposição “de” com os pronomes “ela” ou “ele”. Entretanto, segundo as regras gramaticais, o termo que funciona como sujeito nunca deve ser preposicionado.

Ex: Apesar de ela não ter estudado, foi bem na prova.

Observe que o pronome “ela” funciona como sujeito do verbo “ter”, por isso não pode ser fundido com a preposição.

Vejamos outros exemplos:

Ex1: Já passou da hora de ela se formar.

Ex2: Júlia chegou antes de ele sair.

Preposição

ATENÇÃO! Esses casos nada tem a ver com a fusão da preposição “de” com os artigos “o(s)” e “a(s)”.

Ex: O cabelo dela é muito bonito.

Aqui o pronome possessivo “dela” tem função de adjunto adnominal.

Assista ao vídeo sobre a diferença entre orações restritivas e explicativas:

***

Inscreva-se para fazer parte do clube de português gratuitamente e receber dicas para te deixar afiado na língua (link para um nova página do site) .

Matricule-se agora no nosso curso “Português para produtores de conteúdo” (link para um novo site).

Compartilhe este texto: