Clube do Português

Língua portuguesa para produtores de conteúdo

Category: Palavras parecidas (page 2 of 4)

Intensão x Intenção – qual a diferença?

Qual a diferença entre 'intenção' e 'intenção'

Entenda a diferença entre as duas palavras

Existem na língua portuguesa palavras que são parônimas. Isso significa que elas possuem grafia ou som parecido, mas significado diferente. É o caso de ‘intensão’ e ‘intenção’. Trata-se de um exemplo de parônimos homófonos ( possuem a mesma pronúncia), mas que não são homógrafos (são escritos de maneira distinta).

De acordo com o Vocabulário da Língua Portuguesa (VOLP), que registra todas a palavras do nosso idioma, as duas palavras existem. Contudo, elas não podem ser utilizadas como sinônimas, não são intercambiáveis. Vamos ver a definição de cada uma.

Intenção

É um substantivo feminino. É sinônimo de disposição. Trata de algo que está planejado e que se deseja realizar. Vem do latim intentio.

ex: Ele atirou no ladrão com a intenção de matar.

Perceba que a ideia da frase é que houve um ato premeditado, que indica um intencionalidade.

Continue reading

Compartilhe este texto:

Ceita x Seita

Cruz e Sombra

Cruz e Sombra

Parônimos são palavras que possuem grafia e sons parecidos, mas significados distintos. É o caso dos vocábulos seita e ceita.

CEITA

Segundo o dicionário Priberam, ceita significava o montante que indivíduos tinham que pagar para não precisar servir na praça de Ceuta.

Continue reading

Compartilhe este texto:

A camisa é listada ou listrada?

Camisa listrada ou listada?

Camisa listrada ou listada?

Existem no português um fenômeno que se chama formas gráficas variantes, que são grafias diferentes para um mesmo termo. É o caso da dupla de palavras listada e listrada. As duas formas estão corretos, já que lista e listra são vocábulos sinônimos.

Atualmente, a forma mais utilizada é listrada ou listrado.

ex: Ele tem uma camisa listrada.

Porém, listada também é aceita.

Continue reading

Compartilhe este texto:

Fruto x Fruta

Furtas vermelhas

Furtas vermelhas

O professor Sérgio Rodrigues ensina um método super rápido de descobrir se o correto é utilizar fruto ou fruta.

Fruta é o fruto comestível.

Assim, toda fruta é um fruto, mas nem todo fruto é uma fruta. Por exemplo, a mamona é fruto da mamoneira. Afinal, ninguém em sã consciência come mamona. Já abacate é a fruta do abacateiro, pois é comestível.

Fácil, né?

Veja mais (vídeo):

Inscreva-se para fazer parte do clube de português gratuitamente e receber dicas para te deixar afiado na língua
http://eepurl.com/b5exUr

Matricule-se agora no nosso curso “Português para produtores de conteúdo”   – http://onovomercado.com.br/cursos/portugues 

Conheça os benefícios de uma boa revisão de texto –http://clubedoportugues.com.br/revisao-de-texto/

Veja mais no nosso canal do Youtubehttps://goo.gl/VhBR7o

 

 

 

Compartilhe este texto:

Costumar x Acostumar

Costumar-x-acostumar

Apesar de serem muito parecidas e serem usadas (erroneamente) como sinônimas, as palavras costumar e acostumar possuem significados distintos. Pode-se dizer que elas descrevem partes de um mesmo processo, que é adquirir e conviver com um hábito. Vejamos!

Acostumar

Significa adquirir um hábito.

ex¹: Com o tempo, acostumei-me a caminhar todos os dias.

Perceba que aqui falamos de um processo que foi se consolidando no decorrer do tempo.

ex²: Não me acostumo a esse clima frio.

Observe que a frase fala sobre a recusa de desenvolver um hábito ou gosto.

Continue reading

Compartilhe este texto:

Acerca de X a cerca de

Acerca-de-x-a-cerca-de

Algumas locuções prepositivas, apesar de serem parecidas, possuem significados distintos. É o caso de acerca de e a cerca de.

Acerca de – tem o mesmo valor de “a respeito de”.

Ex: A pauta da reunião desta semana será acerca deste assunto.

OBS: Deste = De + Este

Continue reading

Compartilhe este texto:

Reveses x Revezes

Reveses-x-Revezes

Parônimos são palavras que têm grafia ou som igual ou similar, mas significados diferentes. Um exemplo é o par reveses e revezes. Nesse caso,  temos um caso de parônimos homófonos, ou seja, possuem pronúncia idêntica, mas são escritas de maneira distintas. Vejamos o significado de cada uma.

Reveses

Trata-se do plural de revés.

ex: Na vida, precisamos saber superar os reveses e seguir em frente.

Fonte: https://www.priberam.pt/dlpo/reveses

Fonte: https://www.priberam.pt/dlpo/reveses

Continue reading

Compartilhe este texto:

Continuidade x Continuação

Muita gente utiliza os vocábulos continuidade e continuação como sinônimos. Contudo, eles possuem sentidos distintos e devem ser utilizados em contexto diferentes.

Para acabar com as dúvidas, preparei um infográfico exclusivo.

Continuidade x Continuação 1

Veja mais:

Inscreva-se para fazer parte do clube de português gratuitamente e receber dicas para te deixar afiado na língua
http://eepurl.com/b5exUr

Conheça os benefícios de uma boa revisão de texto –http://clubedoportugues.com.br/revisao-de-texto/

Veja mais no nosso canal do Youtubehttps://goo.gl/VhBR7o

Envie suas dúvidashttp://clubedoportugues.com.br/tire-suas-duvidas-2

 

Compartilhe este texto:

Incarnar ou encarnar?

incarnar

Pergunta do leitor: Bom dia. Queria saber se o verbo incarnar é sinônimo de encarnar.

O Vocabulário da Língua Portuguesa (Volp) da Academia Brasileira de Letras  registra as duas grafias. Ambas têm o mesmo significado, ou seja, são sinônimas. É mais um caso das chamadas formas gráficas variantes, que ocorrem quando um vocábulo pode ser escritos de formas distintas. Contudo, no caso do substantivo derivado do verbo, o Volp reconhece apenas a forma encarnação. 

Continue reading

Compartilhe este texto:

Outro x Outrem

Outrem

Pergunta do leitor: Olá, Clube do Português! Queria saber se existe uma definição sobre quando usar a palavra “outrem” e quando usar “outro”. Há diferença?

Resposta

Outrem

Utilizamos outrem quando queremos nos referir de forma indefinida  (sem identificação específica) a algo ou alguém que não está presente.

ex: A ninguém é permitido se apossar de algo pertencente a outrem sob pena de punição legal.

Perceba que aqui não nos referimos a alguém específico, mas a outra pessoa qualquer.

Continue reading
Compartilhe este texto:
Older posts Newer posts