Clube do Português

Língua portuguesa para produtores de conteúdo

Category: Redação (page 2 of 5)

Três etapas para construir um texto impecável

3 etapas para a produção de textos

Muita gente acredita que escrever é apenas uma atividade mecânica de grafar palavras. Porém, a produção de textos vai muito além disso. Neste artigo, vamos apresentar as três etapas para criar um conteúdo impecável. Vejamos!

PAUSA: Antes de terminar de ler, vale muito a pena você dar uma olhada no artigo que fizemos sobre os 5 objetivos de um texto. Leia e volte aqui. Com certeza, você terá uma visão muito mais ampla sobre a produção textual.

1) Planejamento

Uma boa pesquisa é um passo indispensável para a criação de um texto de qualidade. Escrever não é sair criando vocábulos a torto e a direito. Por isso, o planejamento é a primeira etapa para a criação de conteúdos atraentes.

Alguns cuidados que compõem essa etapa são:

  • Definição do tema;
  • Definição do público-alvo do texto;
  • Levantamento de informações sobre o tópico escolhido;
  • Definição do gênero literário;
  • Elaboração da estratégia argumentativa;
  • Criação de um esqueleto para o texto – um rascunho.

DICA: Recomendamos você dar uma lida no artigo que fizemos sobre como criar argumentos convincentes.

Continue reading

Compartilhe este texto:

4 funções das palavras repetidas

Palavras repetidas – qual são as funções?

Para muitos, a repetição de palavras é um erro grave na construção de um texto. Porém, isso nem sempre é verdade. Neste artigo, você verá quatro funções para as palavras repetidas.

PAUSA: Antes de continuar, recomendamos que você leia este outro artigo que fizemos sobre os 5 objetivos de  um texto. Ele vai te contextualizar melhor sobre o tema da produção textual. Leia lá e volte aqui!

1) Marcar ênfase

A repetição de palavras funciona para enfatizar uma ideia e dar luz a uma ideia que se queira reforçar.

ex: O político foi encontrado com duzentos milhões de reais na mala. Duzentos milhões!

Continue reading

Compartilhe este texto:

5 objetivos de um texto – acerte o alvo na hora de escrever

Defina o objetivo do seu texto.

O primeiro passo para produzir um texto é definir um objetivo discursivo. Essa escolha depende do contexto, do produtor e do receptor. Em outras palavras, quem escreve, para quem se escreve, com qual finalidade e em que conjuntura sócio-histórica. Nesse sentido, uma composição pode ser produzida com cinco objetivos: a) relatar; b) narrar; c) argumentar; d) expor; e) descrever, instruir ou prescrever ações. Neste artigo, vamos detalhar cada um.

PAUSA: Antes de continuar a leitura deste texto, recomendo que você leia esse outro que trata dos três passos para estruturar uma dissertação. Leia e volte para terminar este aqui. Com certeza, você entenderá melhor o tema.

Relatar

Um texto que tem como objetivo relatar foca-se na documentação das ações e experiências vividas ao longo do tempo. Alguns exemplos de gêneros textuais voltados para o relato são a notícia, o diário, a biografia e a reportagem.

Continue reading

Compartilhe este texto:

O que é alteração semântica?

Entenda as alterações nos significados das palavras

A semântica é o campo da linguística que estuda o significado e a interpretação das palavras, frases, expressões e signos em determinados contextos. Ela também analisa as mudanças de sentido por que passam as formas linguística por conta da passagem do tempo, dos diferentes estratos sociais, dos locais geográficos entre outros. Existem três grandes espécies de alterações semânticas que serão abordados neste texto: extensão, enobrecimento e enfraquecimento do significado. Vejamos!

1) Extensão do significado

Ocorre quando uma palavra tem seu significado expandido de algo específico para algo amplo. Por exemplo, a palavra “embarcar”, em sua origem, designava a ação de entrar em um barco. Contudo, com o passar do tempo, ela sofreu uma alteração semântica e passou a significar a entrada em qualquer tipo de veículo.

ex: Eu cheguei em cima da hora de embarcar no avião.

Continue reading

Compartilhe este texto:

10 expressões do latim usadas no português

Veja como latim influencia até hoje a língua portuguesa.

A língua portuguesa é derivada do latim. Por isso, há ainda diversas palavras originadas nesse idioma que estão presentes no português e são utilizadas no dia a dia. Listamos aqui 10 expressões com seus respectivos significados.

1) A priori

Significado – Algo que se baseia em um princípio anterior.

ex: A priori, diante das informações que temos hoje, acredito que não seja uma boa ideia vender a casa.

2) Ad hoc

Significado – Para o caso, eventualmente, extraordinariamente.

ex: Foi contratado um especialista ad hoc para nos ajudar nesse projeto.

3) Data venia

Significado – Com sua licença.

ex: Data venia, vossa excelência. Gostaria de acrescentar algumas informações antes do seu veredito.

Continue reading

Compartilhe este texto:

Infinitivo e redes sociais – você está fazendo isso errado!

Saiba como utilizar o infinitivo corretamente

Cada meio tem suas peculiaridades e aceita algumas linguagens diferenciadas. É o caso, por exemplo, das redes sociais. Nelas é possível encontrar palavras e abreviações como vc, pq, qnd, phyna entre outros. Isso ocorre, porque esse  ambiente é marcado pela velocidade e pela irreverência. Porém, alguns casos extrapolam um pouco e acabam gerando problemas de entendimento. É o caso do uso dos verbos do infinitivo impessoal sem o R.

Quem nunca frases como:

“Quando você chega, não esqueça de tranca a porta”.

O correto seria: “Quando você chegar, não esqueça de trancar a porta”.

Continue reading

Compartilhe este texto:

5 erros de português que você não vai mais cometer em 2017

Comece o ano escrevendo melhor.

Um novo ano começa e hora de colocar as suas resoluções em prática. A primeira pode ser exatamente não cometer mais nenhum dos cinco erros de português listados abaixo em 2017. Vejamos!

1) Trocar A GENTE por AGENTE

No primeiro caso, estamos diante de um pronome. No segundo, de um substantivo.

ex¹: A gente foi junto ao show ontem.

ex²: O agente da polícia federal prendeu o suspeito.

Veja a mais AQUI.

2) Escrever MAIS no lugar de MAS

No primeiro caso, há um advérbio de intensidade. No segundo, uma conjunção adversativa.

ex¹: Ele é mais forte do que eu.

ex²: Eu ia correr, mas começou a chover.

Entenda melhor AQUI.

3) Confundir o por que, porque, por quê e porque

Continue reading

Compartilhe este texto:

TOP 10 de 2016 – os textos mais lidos do ano

Confira os textos mais lidos do ano.

O ano está chegando ao final e é tempo de retrospectivas. Por isso, listamos os 10 textos mais lidos de 2016 aqui no Clube do Português. Vamos lá!

10º lugar

Guia completo da VÍRGULA – Tudo que você precisa saber sobre o uso da vírgula.

9º  lugar

EU e MIM – como usar um e outro? – Estamos diante de dois pronomes pessoais – um do caso reto e outro do caso oblíquo.

8º lugar

Oração subordinada adjetiva restritiva e explicativa – como diferenciar? – A grande diferença é o uso da vírgula.

7º lugar

A domicílio x em domicílio – As duas expressões existem, mas possuem significados diferentes.

6º lugar

Contei à sua mãe ou contei a sua mãe? – Crase antes de pronomes possessivos – Há uma regra especial para crase antes de pronomes possessivos.

Continue reading

Compartilhe este texto:

Vírgula vicária – o que é isso?

Quando usar a vírgula vicária?

Há vários casos de uso da vírgula (leia aqui o guia completo), um deles é a chamada vírgula vicária. Neste texto, vamos explicar o que é isso e quando utilizar. Vamos lá!

O que é vicário?

De acordo com o dicionário Priberam, vicário é aquilo que substitui ou faz as vezes de outrem (veja aqui a diferença entre outro e outrem).

Por exemplo, o sacrifício de Jesus Cristo foi vicário, pois ele substituiu o homem na cruz.

Continue reading

Compartilhe este texto:

5 figuras de linguagem super úteis para seu texto

As figuras de linguagem são comuns nos textos literários

Figuras de linguagem são construções que contribuem para dar mais expressividade à escrita. Elas são muito utilizadas nos textos literários, mas também podem ser muito úteis na hora de escrever uma redação. Neste post, separei 5 delas para você conhecer melhor.

PAUSA:Antes de continuar a leitura, vale a pena você dar uma olhada no artigo que produzimos sobre os 5 objetivos de um texto. Leia e volte aqui. Seu estudo ficará muito mais completo.

1) Metonímia

É a substituição da parte pelo todo. Ela ocorre, por exemplo, quando trocamos o autor pela obra.

ex¹: Li muito Machado de Assis nos tempos de colégio.

ex²: Nada melhor do que ler um Graciliano Ramos em um dia de chuva.

2) Perífrase

Trata-se da substituição de um nome por uma característica dele.

ex¹: A Cidade Maravilhosa (Rio de Janeiro) sediou os primeiros Jogos Olímpicos da história da América do Sul.

ex²: O terrorismo tem abalado o velho continente (Europa).

3) Eufemismo

Consiste em suavizar a linguagem, principalmente para evitar expressões desagradáveis.

ex¹: Podemos dizer que ele não era bem provido de beleza (era feio).

ex²: Infelizmente, ele não resistiu ao acidente e descansou (morreu).

Continue reading

Compartilhe este texto:
Older posts Newer posts