Veja as classificações das conjunções coordenativas

As conjunções dividem-se em coordenativas e subordinativas. Elas têm o papel de ligar termos e orações. Neste artigo, vamos mostrar como o primeiro grupo é classificado. Vejamos!

PAUSA: Antes de ler este texto, vale muito a pena você conferir o artigo que fizemos sobre como utilizar as conjunções. Leia e volte para este post. Com certeza, seu entendimento será mais completo.

Definição

As conjunções coordenativas têm a função de ligar termos ou orações com funções gramaticais idênticas. Elas dividem-se em aditivas, adversativas, alternativas, conclusivas e explicativas.

Aditivas

Ligam dois termos e orações, expressando a ideia de adição ou acrescentamento.

ex: e, nem, e não.

ex: Ela saiu e ele entrou.

ex: Rui não foi à igreja nem ao churrasco.

Adversativas

Conferem uma ideia de contraste entre termos ou orações.

ex: mas, porém, todavia, contudo, no entanto, entretanto.

ex: O jogo ia começar às 16h, mas a chuva fez com que fosse adiado.

ex: Joana deveria ter ido ao restaurante. Contudo, decidiu ir ao parque.

PAUSA: Para complementar seu estudo, vale a pena você parar um pouco a leitura deste texto e ler este outro artigo sobre a diferença entre conjunções adversativas e concessivas. Vai te ajudar muito!

Alternativas

Expressam uma ideia de alternância ou escolha. Se um fato acontecer, o outro não ocorrerá. Normalmente, a conjunção se repete.

ex: ora, quer, seja, nem, ou.

ex: Ora dormia cedo e acordava tarde ora dormia tarde e acordava cedo.

ex: Ou você respeita as regras ou não é honesto.

Conclusivas

Exprimem uma ideia de conclusão ou de consequência.

ex: logo, pois, portanto, por conseguinte, por isso, assim.

ex: Adriana trabalhava o dia inteiro. Portanto, chegava cansada em casa.

ex: Manuel perdeu as chaves do carro. Por isso, teve que ir de ônibus para trabalho.

Explicativas

Ligam termos e orações dos quais um justifica ou explica o outro.

ex: que, porque, pois, porquanto.

ex: Ele foi ao clube, porque o dia estava ensolarado.

ex: Ela não poderia ser responsável pelo projeto, pois já tinha outras atribuições.

VEJA MAIS: Recomendamos você ler também o texto que fizemos sobre quando utilizar a vírgula antes de MAS.

***

Matricule-se agora no nosso curso “Português para produtores de conteúdo”   – http://onovomercado.com.br/cursos/portugues

Inscreva-se para fazer parte do clube de português gratuitamente e receber dicas para te deixar afiado na língua
– http://clubedoportugues.com.br/clube/

Compartilhe este texto: