Na língua portuguesa, os verbos podem ser classificados em relação a sua significação. Neste artigo, vamos tratar de uma dessas classificações: os verbos imitativos. Vamos lá!

Imitação

Também conhecidos como onomatopaicos, os verbos imitativos são aqueles que expressam a ação dos substantivos que lhes dão origem. Veja abaixo alguns exemplos:

  • balança – balançar;
  • gralha – gralhar;
  • latim – latinizar;
  • serpente – serpentear;
  • grego -grecizar.

Onomatopeia

A onomatopeia, a qual os verbos imitativos se assemelham, é um tipo de formação de palavra, que consiste em reproduzir determinado som.

ex1: Peguei meu reco-reco e fui pro samba.

ex2: Ela despertou ao som do bem-te-vi.

Gostou do texto? Então, vale a pena assistir o vídeo abaixo sobre o verbo PREFERIR:

***

Inscreva-se para fazer parte do clube de português gratuitamente e receber dicas para te deixar afiado na língua
– http://clubedoportugues.com.br/clube/

Matricule-se agora no nosso curso “Português para produtores de conteúdo”   – http://onovomercado.com.br/cursos/portugues

Compartilhe este texto: