Clube do Português

Língua portuguesa para produtores de conteúdo

Categoria: Crase (page 1 of 3)

No que tange a x No que tange à

O correto é no que tange a ou no que tange à? Tem ou não tem crase? Neste artigo, vamos acabar de vez com essa dúvida. Vamos lá!

Verbo tanger

Para começar nossa análise, vamos entender melhor a transitividade do verbo tanger.

Ele é transitivo direto, o que significa que não pede preposição entre o verbo e o objeto.

ex: Há prédios tão altos que quase tangem o céu.

O termo tem sentido de encostar, roçar, atingir.

Então, quer dizer que não precisamos da crase? Não! Há um detalhe que muda tudo. É o que veremos no próximo tópico.

Continue reading

Por que “à vista” tem crase e “a prazo” não tem?

Qual será o motivo de a expressão à vista ter crase e a prazo não ter?

Neste artigo, vamos acabar de vez com essa dúvida e apresentar duas regras simples para te ajudar na hora de escrever. Vamos lá!

A prazo

Vamos começar pela segunda parte. Só há crase antes de palavras masculinas se a expressão “à moda” estiver implícita.

Ex: Ele se vestia à Luiz XIV.

No caso da locução a prazo, essa regra não se aplica. Logo, não devemos usar o acento grave.

À vista

à vista leva crase, porque todas as locuções formadas por palavras femininas devem ser craseadas.

Ex: à direita, à moda, à vista.

O acento grave aqui também tem a função semântica, de diferenciador de sentido.

Dizer que vendi a vista, é dizer que me desfiz de um olho.

Logo, para desfazer essa confusão, usamos a crase para deixar claro que se trata de uma locução adverbial de modo.

Gostou do texto? Então, vale a pena assistir a aula completa e gratuita que fizemos sobre a crase:

Inscreva-se para fazer parte do clube de português gratuitamente e receber dicas para te deixar afiado na língua (link para um nova página do site) .

Matricule-se agora no nosso curso “Português para produtores de conteúdo” (link para um novo site).

A gosto x À gosto – qual a forma correta?

A imagem mostra uma pessoa colocando alimentos em uma panela.

Afinal de contas, o correto é a gosto ou à gosto? Neste artigo, vamos resolver esta dúvida e relembrar como utilizar bem a crase. Vamos lá!

O que é crase?

Para resolver essa dúvida, é importante lembrar a definição de crase. Trata-se do encontro de vogais iguais => A + A = À. Acontece, em geral, em três casos:

a) Encontro da preposição A com os artigos definidos A ou AS;
b) Encontra do pronome demonstrativo A com a preposição A;
c) Encontro dos pronomes demonstrativos aquele, aquela e aquilo com a preposição A.

A gosto x À gosto – com ou sem crase?

Agora que relembramos quando utilizar o acento grave, percebemos que ele não é usado nesse caso.

O substantivo “gosto” é um termo masculino. Por isso, não é precedido pelo artigo definido feminino “a”.

A expressão “a gosto” significa sem cerimônia, à vontade, de acordo com o gosto de cada um.

Ex1: Coloque queijo parmesão a gosto.

Ex2: Misture a massa e coloque açúcar a gosto.

Gostou do texto? Então, vale a pena conferir completa sobre a crase que preparamos para você:

*Inscreva-se para fazer parte do clube de português gratuitamente e receber dicas para te deixar afiado na língua (link para um nova página do site) .

Matricule-se agora no nosso curso “Português para produtores de conteúdo” (link para um novo site).

Desejo um ótimo dia a você ou à você?

Devemos ou não utilizar a crase antes do pronome de tratamento você? Neste artigo, vamos resolver essa dúvida e explicar quando utilizar o acento grave. Vamos lá!

O que é a CRASE?

O primeiro passo para responder a pergunta que dá título a este texto é entender o que é a crase e como e quando devemos usá-lo. Trata-se do encontro de vogais iguais => A + A = À. Acontece, em geral, em três casos:

  1. Encontro da preposição A com os artigos definidos A ou AS;
  2. Encontra do pronome demonstrativo A com a preposição A;
  3. Encontro dos pronomes demonstrativos aquele, aquela e aquilo com a preposição A.

Continue reading

Crase – guia completo e descomplicado. Confira!

Crase: esse é um dos temas que mais geram dúvidas na hora de produzir um texto. Por isso, produzimos um guia completo e descomplicado para resolver de vez todas as dificuldades. Vamos lá!

Definição

Trata-se do encontro de vogais iguais => A + A = À. Acontece, em geral, em três casos:

a) Encontro da preposição A com os artigos definidos A ou AS;
b) Encontra do pronome demonstrativo A com a preposição A;
c) Encontro dos pronomes demonstrativos aquele, aquela e aquilo com a preposição A.

Continue reading

Modéstia a parte x Modéstia à parte – qual a forma correta?

A forma correta é modéstia à parte ou modéstia a parte? Tem ou não tem crase? Neste artigo, vamos tirar essa dúvida e explicar melhor o uso do acento grave. Vamos lá!

Crase

Crase é a contração de duas letras iguais.

Ela ocorre, por exemplo, quando há o encontro entre a preposição a e o artigo definido feminino.

ex¹: Vou ao museu. => A + O = AO

ex²: Vou à praça. => A + A = À

Continue reading

A prazo x À prazo – qual a forma correta?

Maria realizou uma compra à prazo ou a prazo? Tem ou não tem hífen? Neste artigo, vamos resolver essa questão e explicar melhor o uso da crase. Vamos lá!

Crase

Para descobrir a forma correta, vale a pena relembrar o que é a crase. Trata-se do encontra de duas letras iguais. Veja:

A + A = À

É comum encontrarmos a crase, quando há uma fusão do artigo definido feminino A com a preposição A ou então quando se junta a preposição A com os pronomes demonstrativos AQUELE, AQUELA, AQUELES e AQUELAS.

ex¹:  Mariana foi à praia. => (Artigo + Preposição);

ex²: Esta casa pertence àquele senhor. => (Preposição + Pronome Demonstrativo).

Continue reading

A bordo x À bordo – tem crase?

O correto é a bordo ou à bordo? Devemos utilizar a crase? Neste artigo, vamos acabar com essa dúvida e explicar qual a maneira correta. Vamos lá!

Com crase ou sem crase?

A forma correta é a bordo, sem crase. Bordo é um substantivo masculino e a crase é a junção da preposição a com o artigo feminino a.

O que é a crase?

Crase é a contração de duas letras iguais.

Ela ocorre, por exemplo, quando há o encontro entre a preposição a e o artigo definido feminino.

ex¹: Vou ao museu. => A + O = AO

ex²: Vou à praça. => A + A = À

Recomendamos ler os outros artigos que fizemos sobre a CRASE. Com certeza, seu estudo ficará muito mais completo!

Vale a pena também assistir à aula completa sobre a crase que preparamos para você:

***

Inscreva-se para fazer parte do clube de português gratuitamente e receber dicas para te deixar afiado na língua (link para um nova página do site) .

Matricule-se agora no nosso curso “Português para produtores de conteúdo” (link para um novo site).

Antes de numeral, tem crase?

crase

Quando utilizar crase antes de numeral?

Antes de numeral tem ou não tem crase?  Em regra, não se usa o acento grave antes de números, mas há algumas exceções. Neste artigo, vamos detalhar todos os casos. Vamos lá!

PAUSA: Antes de continuar a leitura, vale dar uma olhada no artigo que escrevemos com seis dicas sobre o uso da crase. Leia e volte aqui. Seu estudo ficará muito mais completo.

Sem artigo

Há duas possibilidades de crase:

  1. Preposição ‘a’ + artigo feminino ‘a’;
  2. Pronome demonstrativo ‘aquele’ ou ‘aquela’ + preposição ‘a’.

De maneira geral, os numerais não possuem gênero e também não são acompanhados por artigos (exceto um e dois e os números terminados em entos – trezentos x trezentas). Dessa forma, não há os encontros acima citados.

ex¹: Maria contou de 1 a 20 para não perder a calma.

ex²: Pulei as 10 primeiras páginas do livro e fui direto ao que interessava.

Continue reading

Graças a Deus ou Graças à Deus?

View this post on Instagram

Graças a Deus, sem crase, é a forma certa.✔ Isso porque Deus é um substantivo masculino. Nesse caso, não há a junção da preposição "a" com o artigo feminino "a", que formam a crase. Há somente o "a" da preposição. A mesma regra vale para outras expressões como: "glória a Deus", "agradeço a Deus" e "gratidão a Deus". 🙏 #descriçãodaimagem A imagem mostra uma mulher jovem, vestindo saia rosa e top preto, de olhos fechados, rezando. Nela está escrita a questão "graças a Deus ou graças à Deus?". ✳OUTRAS DICAS EM: www.clubedoportuguês.com.br #português #gramática #educação  #aprendizado #estudo #trabalho #empreendedorismo #concurso #concursopúblico #escola #faculdade #vestibular #enem #escrita #língua #linguagem #clubedoportuguês #Deus #quinta #boanoite

A post shared by Clube do Português (@clubedoportugues) on

Usamos ou não crase com ‘a Deus’? Neste artigo, vamos solucionar essa questão e explicar como utilizar corretamente o acento grave. Vejamos!

PAUSA: Antes de continuar a leitura, vale a pena você conferir primeiro o texto que fizemos com 5 dicas sobre a crase. Com certeza, seu estudo ficará muito mais completo. Leia e volte aqui!

Palavras masculinas

“Graças a Deus”, sem crase, é a forma certa. Isso porque Deus é um substantivo masculino. Nesse caso, não há a junção da preposição “a” com o artigo feminino “a”, que formam a crase. Há somente o “a” da preposição.

A mesma regra vale para outras expressões como: “glória a Deus”, “agradeço a Deus” e “gratidão a Deus”.

Continue reading

« Older posts