Por Pedro Valadares

Categoria: Palavras parecidas (Page 1 of 8)

Em torno x Entorno – qual a diferença?

A imagem mostra uma vizinhança de casas rodeadas pelo mar. Acima está escrito: em torno x entorno - qual a diferença.
Veja todos os significados de cada uma das expressões.

Tanto “em torno” quanto “entorno” existem. Contudo, as duas expressões têm significados diferentes. Neste artigo, vamos explicar quando usar cada uma. Vamos lá!

A principal diferença

Em torno de” ou “em torno a” é uma locução prepositiva que introduz um adjunto adverbial de lugar. Já “entorno” é um substantivo que indica “arredor”, “cercania” ou “área vizinha”.

Ex1: Na hora do almoço, a família sentava em torno da mesa.

Ex2: O entorno de Brasília é pouco conhecido.

Agora que você já conhece a principal distinção entre os termos, vamos analisar de forma mais aprofundada cada um deles e explorar outros significados.

Em torno

Como locução prepositiva, “em torno de” também pode significar aproximadamente.

Ex1: Na casa, moravam em torno de cinco pessoas.

Além disso, a expressão pode funcionar ainda como locução adverbial de lugar, sendo sinônima de “ao redor” ou “em volta”.

Ex2: Júlia parou o carro perto da igreja, olhou em torno, mas não viu nada suspeito.

Continue reading

Assintomático x Pré-sintomático – qual a diferença?

Qual a diferença entre pré-sintomático e assintomático?
As palavras expressam dinâmicas distintas de aparecimento de sintomas

Com a pandemia de coronavírus, várias palavras entraram no nosso vocabulário cotidiano. Neste artigo, vamos falar de duas delas: assintomático e pré-sintomático.

Vamos mostrar a diferença entre os dois termos. Também analisaremos o processo de formação de cada um. Vamos lá!

Assintomático

É um adjetivo que indica alguém que não desenvolveu sintomas esperados de determinada doença em nenhum estágio após o contágio.

Também pode indicar uma moléstia que não gera sintomas (ex: doença assintomática).

A palavra é formada por derivação prefixal, com a junção do prefixo “a” – que indica oposição ou negação – com o adjetivo sintomático.

O termo recebe o acento agudo por ser uma proparoxítona, ou seja, por ter como tônica a antepenúltima sílaba.

Continue reading

Islamita, islamista e islâmico – qual a diferença?

A imagem mostra um palácio islâmico. Abaixo está escrito: islamita, islamista, islâmico - qual a diferença?

Na língua portuguesa, muitas vezes, pequenas mudanças podem alterar totalmente o sentido de um palavra. É o que acontece com o termos islamita, islamista e islâmico.

Neste artigo, vamos explicar o significado de cada um deles e quando usá-los. Também vamos abordar os debates sociológicos que envolvem esses vocábulos. Vejamos!

Islamita x Islamista

Segundo o dicionário Hoauiss, islamita é “seguidor do islamismo, maometano, muçulmano”.

O termo islamista é considerado por alguns dicionaristas como sinônimo de islamita. Há, contudo, um aspecto histórico e social que vem gerando uma diferenciação entre essas duas palavras.

De acordo com estudiosos do islã, como Abdoolkarim Vakil e Margarida Santos Lopes, islamita designa aqueles que seguem o islã como fé.

Em contrapartida, islamista indica as pessoas que usam a religião como arma política e para fazer terrorismo.

De acordo com os pesquisadores, essa distinção de sentido surge em um contexto no qual se vê um crescimento acelerado da islamofobia, ou seja, da rejeição às pessoas que seguem a fé islâmica.

Assim, faz-se necessário adotar termos diferentes para separar a maioria pacífica dos radicais terroristas.

Essa caso demonstra como as palavras carregam em si uma carga de significado que pode se modificar de acordo com o contexto sócio-histórico. É o que chamamos de alteração semântica.

Destaca-se que essa discriminação entre os dois vocábulos é mais fortemente adotada em Portugal do que no Brasil.

Continue reading

Correio x Correios – qual a diferença?

A imagem mostra uma carta e um envelope, onde está escrito: correio x correios.
O significado é diferente?

Qual a diferença entre os termos correio e correios? Neste artigo, vamos explicar a origem das palavras e quando usar cada uma. Vamos lá!

Correio

A palavra correio vem do espanhol “correo”, cuja origem é o latim “currere”, que quer dizer deslocar-se rapidamente, viajar.

O significado original do substantivo masculino indicava a pessoa responsável por entregar correspondências, o mensageiro.

Contudo, por um processo de metonímia, a palavra passou a indicar também:

  • serviço que se encarrega de levar mensagens rapidamente aos respectivos destinatários;
  • repartição pública à qual competem a seleção, o transporte e a distribuição de correspondências;
  • local onde funciona essa repartição;
  • reunião daquilo que se envia (cartas, documentos, encomendas);
  • correspondência; condutor de mala postal.

Ex1: Talita vai me mandar o currículo pelo correio.

Ex2: O correio ainda não passou.

Ex3: Pedro foi ao correio mandar um livro para Miguel.

Ex4: Você já postou o correio de hoje?

Continue reading

Costas x Costa – qual a forma correta?

A imagem mostra uma mulher de costas. Ela segura flores em uma das mãos.
Qual a diferença entre os dois vocábulos?

Tanto costas quanto costa são palavras que existem na língua portuguesa. Contudo, elas têm significados bem distintos. Neste artigo, vamos explicar essa diferença. Vamos lá!

É correto dizer minhas costas?

O substantivo no plural se refere ao lado posterior do corpo humano; dorso.

A palavra vem do latim costa, que significa flanco – cada um dos lados do corpo humano, que vai dos quadris aos ombros. Falamos costas, porque nos referimos aos dois flancos.

Ex1: Após o treino, fiquei com dor nas minhas costas.

O termo também tem os sentidos de parte traseira, verso; encosto. Vejamos:

Ex2: Ana comprou um vestido com as costas trançadas

Ex3: Pedro encostou a cabeça nas costas do sofá.

Nesses dois casos, utilizamos uma figura de linguagem chamada prosopopeia ou personificação. Ela consiste em atribuir características humanas a seres inanimados, como um vestido ou um sofá.

Se quiser se aprofundar, confira o vídeo que fizemos sobre ese tema:

Continue reading

Povo x População – qual a diferença?

A imagem mostra um mapa e, em cima dele, há um boneco de um homem com uma mala com a mala levantada.
Os dois conceitos são ou não são sinônimos?

Muita gente usa os termos povo e população como sinônimos, mas será que eles têm o mesmo significado? Neste artigo, vamos explicar a diferença entre esses dois conceitos. Vamos lá!

População

As distinções entre essas duas palavras vêm mais do mundo jurídico do que do dicionário em si.

Segundo a professora Nathália Masson, população é um conceito numérico. Nesse sentido, ele indica a quantidade de pessoas que vivem em determinado território.

Assim, é irrelevante se o indivíduo é ou não um nacional daquela localidade. A população abrange aqueles que nasceram naquele local, mas também todos os outros estrangeiros que vieram de outros destinos, mas que lá estão naquele momento.

Continue reading

Se quer x Sequer – qual a forma correta?

Se quer ou sequer: qual a maneira certa? As duas expressões existem na língua portuguesa, mas têm significados diferentes. Neste artigo, vamos explicar quando usar cada uma. Vamos lá!

Se quer

Temos aqui o encontro da conjunção se com o verbo quer. A expressão é sinônima de se pretende ou se deseja.

ex1: Se quer ir, vai – disse o pai de Francisco.

ex2: Se quer ter uma aposentadoria tranquila, invista com inteligência desde agora.

Bônus: Conheça todas as funções da palavra se.

Continue reading

Secretaria x Secretária – qual a forma correta?

A imagem mostra uma mulher com um fone de ouvido. Ao lado, está escrito: secretaria x secretária.
Tem ou não tem acento?

Secretaria ou secretária: as duas palavras existem, mas têm significados diferentes. Neste artigo, vamos explicar o sentido de cada um dos e quando utilizá-los. Vamos lá!

Secretaria

A palavra SECRETARIA, sem o acento, significa um setor administrativo. Ela representa um departamento dentro de uma instituição.

ex1: Maria foi na secretaria da escola buscar o boletim do seu filho.

ex2: O documento de liberação da obra deve ser assinado pelas secretarias de infraestrutura e de meio ambiente.

Continue reading

Extrato x Estrato – qual a forma correta?

Ambas as palavras – extrato e estrato – existem, mas possuem significados diferentes. Neste artigo, você vai entender quando usar cada uma delas. Vamos lá!

Extrato

O substantivo masculino extrato significa algo extraído de alguma coisa.

Ex1: Eu uso extrato de tomate para fazer macarronada.

Ex2: Hoje tirei um extrato no banco e vi que já recebi a primeira parcela do salário.

Continue reading

Indulto x Induto – qual a diferença?

A forma correta é indulto ou induto? Tem ou não tem aquele L ali? Neste artigo, vamos acabar com essa dúvida. Vamos lá!

Indulto

Indulto significa absolvição, perdão. No Direito, o substantivo masculino é usado para se referir à remissão parcial ou total de pena. Já no catolicismo, indulto é o privilégio concedido pelo papa, conferindo poderes fora das regras ordinárias.

Ex1: O Tribunal Federal da 4ª Região declarou inconstitucional o indulto de Natal no sul do país.

Ex2: A Igreja Católica chilena propôs indulto a envolvidos em crimes políticos durante a ditadura de Augusto Pinochet.

Induto


O termo induto quer dizer vestuário, traje; revestimento. .
Ex1: O apicultor precisa de induto apropriado para trabalhar.

Ex2: O induto especial garante que o calor não seja absorvido.

Fonte: Dicionário Priberam

Resumo

  • Indulto: perdão
  • Induto: vestimenta

Gostou do texto? Então, vale a pena conferir o vídeo que fizemos sobre a diferença entre TAPAR e TAMPAR:

***

Inscreva-se para fazer parte do clube de português gratuitamente e receber dicas para te deixar afiado na língua
– https://clubedoportugues.com.br/clube/

Matricule-se agora no nosso curso “Português para produtores de conteúdo”   – http://onovomercado.com.br/cursos/portugues

« Older posts

© 2020 Clube do Português

Theme by Anders NorenUp ↑