Uma palavra oxítona (também chamada de aguda) é aquela em que o acento tônico recai sobre a sua última sílaba. Vejamos alguns exemplos:

– a (a-)

– vo (vo-)

– rapaz (ra-paz)

– condor (con-dor)

– vintém (vin-tém)

– vata (va-ta-)

– urubus (u-ru-bus)

– pontapés (pon-ta-pés)

– armazéns (ar-ma-zéns)

Como identificar uma palavra oxítona

Perceba que, nas oxítonas listadas acima, temos tanto exemplos com acento gráfico quanto exemplos sem acento gráfico. No caso das palavras que possuem esse acento, fica mais fácil identificar sua sílaba tônica, pois ela sempre será a mesma sílaba onde se encontra o acento gráfico, o qual pode ser agudo ou circunflexo.

No caso das palavras sem o acento gráfico, é imprescindível que nos atentemos à pronúncia de cada uma delas, isto é, que nos atentemos aos seus respectivos acentos tônicos. O acento tônico é o mesmo que sílaba tônica, ou seja, é a sílaba que se pronuncia com mais intensidade numa palavra. Dessa forma, está relacionado à fonologia, parte da gramática que se preocupa com a emissão sonora das palavras.

Tipos de acento tônico

Existem três tipos de acento tônico. A depender da posição em que se encontram, as palavras podem ser:

a) Oxítonas: quando o acento tônico recai sobre a última sílaba.

– aqui (a-qui), carijós (ca-ri-jós), pa(pa-), ninguém (nin-guém).

b) Paroxítonas: quando o acento tônico recai sobre a penúltima sílaba.

ri (-ri), independência (in-de-pen-dên-cia), poderoso (po-de-ro-so), avel (a--vel).

Proparoxítonas: quando o acento tônico recai sobre a antepenúltima sílaba.

modo (-mo-do), lido (só-li-do), felicíssimo (fe-li-cís-si-mo), lido (-li-do).

Diferença entre oxítonas e monossílabos

Quando falamos de palavras oxítonas, paroxítonas e proparoxítonas, temos de levar em conta que estamos falando de palavras com duas sílabas ou mais.

Já palavras como pé, fé, mês, céu, sós, dó, vó e vô, que possuem apenas uma sílaba, recebem uma quarta classificação e não devem ser consideradas oxítonas. Elas são, na realidade, monossílabos tônicos.

Regras de acentuação das oxítonas

Levam acento agudo ou circunflexo as oxítonas terminadas em:

a) –a, –as: sofá, sofás, cajá, cajás, vatapá, vatapás, crachá, crachás.

b) –e, –es: axé, axés, filé, filés, jacaré, jacarés, você, vocês.

c) –o, –os: cipó, cipós, metrô, metrôs, dominó, dominós, bongô, bongôs.

d) –em, –ens: também, ninguém, mantém, mantêm, armazém, armazéns.

Quando se vai acentuar um verbo oxítono, ignoram-se os pronomes oblíquos átonos ligados a ele. Exemplos:

– comprá-las (oxítona terminada em a)

– re-lo (oxítona terminada em –e)

– mantém-no (oxítona terminada em –em)

Caso especial de acentuação: são sempre acentuadas as oxítonas com os seguintes ditongos abertos:

a)  –éis: anéis, fiéis, papéis.

b) –éu(s): céu, céus, chapéu, chapéus, véu, véus.

c) –ói(s): corrói, corróis, herói, heróis, remói, remóis.

*

Gostou do texto? Inscreva-se para fazer parte do clube de português gratuitamente e receber dicas para te deixar afiado na língua (link para uma nova página do site).