Língua Portuguesa e Literatura

Tag: dissertação

Impessoalização da linguagem: o que é e como usar?

A impessoalização da linguagem é uma das principais características de um texto formal, sobretudo do tipo dissertativo-argumentativo, cobrado na maioria das redações de concursos e vestibulares.

Isso porque em textos formais muitas vezes é preciso omitir os agentes da narrativa, ocultando a opinião pessoal, atenuando o diálogo e, consequentemente, adotando uma posição impessoal sobre a questão abordada.

Quer aprender mais sobre a impessoalização da linguagem e saber como usá-la corretamente? Então, acompanhe a leitura!

O que é impessoalização da linguagem?

A impessoalização da linguagem é uma técnica de construção textual que ajuda a eliminar ou atenuar a subjetividade em uma redação, sendo a impessoalidade essencial em textos dissertativos-argumentativos.

Isso porque, conforme mencionamos, além desse ser o tipo textual mais cobrado em vestibulares e concursos, ele também exige que um ponto de vista seja apresentado e defendido sem indícios de que se trata de uma opinião.

Em outras palavras, você não deve demonstrar que está expressando seu ponto de vista, porém ele acaba transparecendo de alguma forma no texto. Parece complexo, mas é bem simples. Para que você entenda melhor, veja o exemplo abaixo:

  • Ao invés de usar a frase: “acredito que as reuniões devem ser mais rápidas”, opte por: “reduzir o tempo das reuniões é fundamental para aumentar a produtividade da empresa”. 
Continue reading

Parágrafo padrão – como fazer?

parágrafo perfeito

Entenda como construir um parágrafo padrão

O parágrafo padrão é um grupo de um ou mais períodos, que se conectam para expressar uma ideia ou um ponto de vista. Neste artigo, vamos explicar a composição, os tipos e a construção de um parágrafo. Também daremos um exemplo de como fazer. Vamos lá!

Estrutura

A estrutura do parágrafo padrão abrange as seguintes partes:

Introdução – apresenta, de forma resumida, a ideia principal.

Tópico frasal – É a exatamente a ideia principal. Nele podemos ter uma afirmação, uma opinião do autor,  um dado ou estatística entre outros.

Desenvolvimento – É o desenrolar do tópico frasal. Aqui acrescentam-se argumentos e informações para estruturar um conjunto coeso e coerente de períodos.

Conclusão – Não é todo parágrafo que tem uma conclusão. Contudo, é normal que ela apareça em alguns casos.

Continue reading

Dissertação: como estruturar?

Veja como estruturar uma dissertação.

Veja como estruturar uma dissertação.

Em provas de vestibulares e concursos, é muito comum que se exija que o candidato escreva uma dissertação.  Trata-se de uma redação argumentativa que defende um ponto de vista. Este texto vai detalhar as três partes que não podem faltar em uma boa dissertação.

1) Apresentação de um ponto de vista

O primeiro parágrafo deve dedicar-se a apresentar a questão em debate e explicitar os pontos de vista que serão desenvolvido. Ele pode conter já a introdução dos argumentos que serão detalhados no desenvolvimento.

ex: Uma questão que tem sido muito debatido nos últimos tempos é a reforma da previdência. Alguns defendem que o sistema não é deficitário e que não precisa de reformulação. Contudo, economistas defendem que uma mudança é urgente e que medidas, como a adoção de uma idade mínima para aposentadoria, são imprescindíveis.

Continue reading