As orações reduzidas são, em geral, orações subordinadas que não se iniciam por conjunção subordinativa nem por pronome relativo, além de o verbo estar numa das suas formas nominais: infinitivo, gerúndio ou particípio.

Esse tipo de oração se opõe às orações desenvolvidas, que além de serem iniciadas por conjunção subordinativa ou pronome relativo, possuem verbos no modo indicativo, imperativo ou subjuntivo. Exemplos:

  • Oração subordinada desenvolvida: Era preciso que usássemos máscara.
  • Oração reduzida de infinitivo: Era preciso usarmos máscara.
  • Oração subordinada desenvolvida: Andando para o trabalho, vi um acidente.
  • Oração reduzida de gerúndio: Quando andava para o trabalho, vi um acidente.
  • Oração subordinada desenvolvida: Tirou férias do trabalho, assim que começou as férias da faculdade.
  • Oração reduzida de particípio: Tirou férias do trabalho começada as férias da faculdade.

Vejamos todos os tipos de orações reduzidas abaixo.

Continue reading