Há casos em que a vírgula é facultativa e tem apenas uma função estilística na frase. Neste artigo, vamos mostrar quando isso acontece. Vamos lá!

1) Depois de algumas conjunções

Quando iniciamos frases com algumas expressões, pode-se ou não utilizar a vírgula. Isso ocorre por conta da curta extensão de palavras como: entretanto, portanto, todavia, por isso.

ex1: Ela acordou muito cedo. Por isso, ficou com sono durante a aula.

ex2: Ela acordou muito cedo. Por isso ficou com sono durante a aula.

Atenção: se a conjunção vier intercalada, a vírgula é obrigatória.

ex: Ela acordou cedo. Ficou, por isso, com sono durante a aula.

2) Com orações adverbiais

Com as orações adverbiais, a vírgula também é facultativa. Vale, no entanto, destacar que o uso desse sinal de pontuação pode ter a função de dar ênfase à ideia.

ex1: Irei à praia amanhã se não chover.

ex2: Irei à praia amanhã, se não chover.

Perceba como, no exemplo 2, a segunda oração fica mais destacada.

3)  Com expressões adverbiais curtas

Quando a expressão adverbial for de curta extensão e vier no início da frase, pode-se ou não isolá-la com a vírgula.

ex1: Em Brasília, estamos na época de chuva.

ex2: Em Brasília estamos na época de chuva.

OBS: Se a expressão curta estiver intercalada e aparecer após o verbo, a vírgula também é facultativa.

ex1: Joana participará, em São Paulo, de um evento amanhã.

ex2: Joana participará em São Paulo de um evento amanhã.

PS: Você viu ali a vírgula antes do mas? Neste artigo, explicamos por que ela é usada nesse caso.

Gostou do artigo? Então, vale a pena conferir o infográfico que fizemos sobre os 7 pecados da vírgula:

Confira 7 casos em que a vírgula não deve ser utilizada

Confira 7 casos em que a vírgula não deve ser utilizada

Para complementar seu estudo, assista também o vídeo no qual damos 4 dicas sobre quando usar a vírgula:

Inscreva-se para fazer parte do clube de português gratuitamente e receber dicas para te deixar afiado na língua
– https://clubedoportugues.com.br/clube/

Matricule-se agora no nosso curso “Português para produtores de conteúdo”   – http://onovomercado.com.br/cursos/portugues

Compartilhe este texto: